Recruta nº 27

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Recruta nº 27

Mensagem  Virginia Hall em Sab 27 Dez 2014, 01:04

OFF

A 27ª recruta contará com a ajuda dos t-shirts cinzentas e será coordenada por Blaine Anderson e Vince Morte.

Grupo do Vince:
T-shirts Azuis: Robert James Choke e kika Reis
T-shirts Cinzentas: Bäkura blackout, John Robert Adams e Parker Krowne

Grupo do Blaine:
T-shirts Azuis: Samantha Briston e Gabrielle O'BRIEN
T-shirts Cinzentas: George Collins, Diana E. Grint
T-shirt Branca: Sal

Obs: Esperem por os posts dos coordenadores dos grupos para começar a recruta.

_________________

Virginia Hall
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 328
Reputação : 3
Idade : 21
Localização : Localização Secreta

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/2500  (0/2500)
Experiência de Missão:
0/2500  (0/2500)
Capacidade Física:
0/2500  (0/2500)

Ver perfil do usuário http://afilhadeathena.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Blaine Anderson em Sab 27 Dez 2014, 01:20

Os Red Lotus, uma seita que foi criada com a intenção de remover todo o tipo de pirataria deste mundo, a sua sede é localizada algures no Japão ninguém sabe ao certo o porque de ser localizada aqui mas os seus fiéis nunca questionaram o seu mestre, este qual que sou eu... Não vos irei contar a minha história porque talvez seja demasiado violenta para vocês, mas tudo aquilo que vocês têm que saber é que se chegaram aqui já passaram por montes de testes e passaram por todos eles com distinção...
A Red lotus consiste em aprenderem a lutar, controlar o vosso corpo, mas para que isso aconteça, rituais foram formados, sangue tem de ser derramado e especialmente a vossa sanidade mental tem de ser testada.
Chicotes, velas, cânticos, tudo aquilo que tu possas vai ser testado em ti e tu apenas te irás lembrar que és o que és agora, nada do que se passou antes vai interessar, porque primeiro, não te vais lembrar, e segundo, nada disso já mais irá fazer sentido depois dos testes que vais ser sujeito.
O símbolo desta seita, é uma flor de lotus sangrenta, o porquê disto !?
Bem se passarem os vossos primeiros testes irão saber.
Vestes brancas e vermelhas irão ser utilizadas e sangue irá ser derramado, estão prontos.
Sentados nas cadeiras estão os querubins que foram designados para as mãos de Blaine, desta vez com um cabelo loiro esbranquiçado, ele com a sua veste com um braço descoberto cheio de cicatrizes e outro coberto, mal se sabe o porquê, mas no braço descoberto vê-se uma aliança.
Sentados em círculos com velas acesas os querubins estão sentados, Gabrielle e Samantha, elas estão com tubos nas suas veias, e pendurados ao lado delas está um saco cheio de sangue...
-Agora que o sangue foi retirado do vosso corpo e novamente inserido, vocês não têm memórias do passado, nada do que aconteceu não faz parte da vossa vida presente. - Disse Blaine asperamente - Que comece a diversão, e com um andar galante ele sai da Sala
-Ah, esqueci-me de dizer, têm que se soltar das correntes que vos prendem à cadeira, ou morrem - Disse ele já ao fundo do corredor ainda com as querubins meio sedadas.

Blaine Anderson
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 80
Reputação : 4

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Vince Morte em Sab 27 Dez 2014, 01:41

Robert e Kika estavam amarrados cada um a um mastro de um grande barco. O convés a seus pés reluzia vermelho e entre os dois erguia-se uma figura indistinta, encostada á amurada, observando o mar através de um monóculo. Por todo o lado se viam marujos atarefados.

-Finalmente acordaram! - disse Vince, virando-se. - Bem, vocês dois aí nos mastros devem estar muito confusos, já sei. Vamos lá esclarecer as coisas. Eu sou o Mister Morte, capitão d'O Espírito do Oceano, que é esta fragata onde vocês estão. Nós somos uma tripulação pirata. Escusam de olhar para mim com cara de parvos. Olhem para o mastro á vossa frente. Estão a ver a bandeira que levamos içada? É A NEGRA! - Vince soltou uma gargalhada gotural. Sempre quisera ser pirata, logo, vestira-se a preceito para a ocasião. Camisa branca folgada, aberta até ao umbigo, calções pretos de veludo, sobrecaSACA vermelha, com fios de ouro e diamantes, cinto de couro preto, descaído para a esquerda, onde repousavam um revólver e um sabre de aspeto sinistro e botas de cabedal castanha, de cano, com salto, já bastante usadas. Na cabeça trazia uma badana preta e na mão esquerda uma aliança.  - Ontem á noite, - prosseguiu ele - nós atacamos o vosso navio. Vocês foram os unicos sobreviventes, e decidi poupar-vos pois o convés não se lava sozinho. Falando em convés, sabem porque é que este é vermelho? Para não se ver o sangue sobre ele derramado! E já agora mais tarde não se esqueçam de cumprimentar a Bela Dama - a figura de proa, com a forma de uma mulher nua com um punhal cravado no peito. - Neste momento, nós vamos em direção ao Japão, para acabar de vez com a Red Lótus, e vingar o meu irmão. - Vince apontou para um embrulho de lona aos pés dele. Pelo embrulho via-se a cabeça de Vougan, que tinha a ingrata tarefa de fazer de morto.  - SÓ FICAREI SATISFEITO QUANDO TODOS OS ELEMENTOS DAQUELA SEITA ESTIVEREM MORTOS!

Vince Morte
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 39
Reputação : 3
Localização : Algures numa cama perto de si

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Diana E. Grint em Sab 27 Dez 2014, 01:55

Vestes negras que contrastavam com o seu cabelo vermelho. Um vestido preto rendado, sapatos de salto pretos e uma capa negra que tapava parcialmente a sua cara deixando apenas visíveis os seus contornos. Diana entrou na sala onde estavam os querubins. Olhou para eles, dormentes, sedados. O som do sangue a percorrer os tubos tornava-se numa sinfonia para os seus ouvidos. Não foi capaz de conter um sorriso sádico.
Saiu da sala sem dar tempo para que as crianças a vislumbrassem por completo. Tornando-se apenas num vulto para as suas memórias. Atravessou o corredor com um passo lento, como se o chão que pisasse fosse criado apenas para acariciar os seus pés, ou como se cada passo os sedasse ainda mais.
Entrou na sala das câmaras, viu Blaine sentado na sua poltrona de veludo vermelho a apreciar gostosamente os querubins.
- Red Lotus: sanguinem, deuocionem, et ad mare, et ad malum finem. Bom dia Mestre - disse Diana fazendo uma pequena vénia com a cabeça.
Blaine permaneceu calado fazendo-lhe sinal para que se sentasse ao seu lado.
Diana tirou o capuz da sua capa, controlou a madeixa solta do seu cabelo e sentou-se na cadeira disposta do lado direito de Blaine reparando que as câmaras já haviam sido ligadas e que os monitores transmitiam agora uma imagem nítida e em tempo real dos querubins.
- Vi que o mestre começou com os jogos cedo pela manhã - disse num tom monocórdico.
Os querubins permaneciam nas cadeiras, com um ar sonolento, ainda não haviam despertado nem tomado consciência do que se estava a passar, segundos depois Diana começou a ver alguma actividade por parte dos mesmo, parecia que estavam prestes a acordar.
- Mestre, e se eles tentam escapar?
Pela primeira vez naquele dia Diana ouviu a voz de Blaine:
- A única maneira de escaparem é pela porta, e essa mesmo está blindada, e reforçada por 3 fechaduras. Eles não são mais espertos do que nós, minha querida, mas deixa-os acreditar que sim por mais um pouco...
Blaine permanecia calmo, como se tudo estivesse a correr tal e qual como ele havia planeado
Diana sabia perfeitamente o que queria fazer, e como o conseguir. Olhou para o seu relógio.
"Passam 20 minutos da hora marcada! Onde raio se meteu aquele inútil?"
- Collins! Seu desgraçado! Tens de aprender a cumprir horários! - disse para si mesma não contendo um sorriso sádico e não tirando os olhos dos monitores.
Segundos depois entrou Collins sem fazer muito ruído.
- Já devias estar aqui! - disse a rapariga num tom firme - nem para cumprir ordens serves!
- Descul.. - tentou dizer antes de ser interrompido.
Diana aproximou-se, com a sua mão segurou o queixo do rapaz e disse-lhe com uma voz doce:
- A tua sorte é que eu até gosto de ti... Hm, faz-me acreditar que não és assim tão inútil.. Tenho um trabalho para ti..
Collins permaneceu quieto a olhar para a rapariga, esta aproximou-se dele, e sussurrou ao seu ouvido acabando com um leve beijo na sua face.
- Percebeste? Agora vai e faz-me ter orgulho em ti!


Última edição por Diana E. Grint em Sab 27 Dez 2014, 11:48, editado 1 vez(es)

_________________
Agente nr. 26

Diana E. Grint
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 496
Reputação : 14
Idade : 20

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/2500  (0/2500)
Experiência de Missão:
0/2500  (0/2500)
Capacidade Física:
0/2500  (0/2500)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Samantha Briston em Sab 27 Dez 2014, 11:23

Quando acordei olhei em volta. Estava tudo imensamente desfocado e doia-me a cabeça. Não me lembrava de ter batido com ela nalgum sitio, mas pensando não me lembrava de nada. Exceto o homem. Não me lembro do nome dele, mas sei que disse qualquer coisa sobre o nosso sangue ter sido retirado e reposto no nosso corpo e por isso não termos nenhumas recordações. E também disse algo sobre correntes... O quê que era? Ah! Se não as conseguirmos tirar morremos... Pois, isso poderia ser um problema. Olhei em volta á procura de algo que podesse usar. A primeira coisa que vi foi um saco de sangue à minha beira. Tinha de arranjar uma forma de desconetar aquilo de mim. De resto a sala estava vazia à exceção de alguns archotes nas paredes para a iluminação e de uma rapariga nas mesmas condições que eu. Infelizmente ainda não tinha acordado.
Depois de observar tudo em redor decidi que a primeira coisa a fazer era livrar-me das correntes. Felizmente não estavam muito apertadas e não me prendiam os braços. Isso facilitava imenso. Tentei arrancar o que me prendia as pernas. Não resultou e além do mais fiquei com as mãos doridas. A seguir pus-me a pensar com o que poderia abrir os cadeados das correntes. Já sei! Os ganchos! Peguei num gancho que tinha no cabelo e comecei a tentar forçar a fechadura. Algum tempo depois consegui e fiz o mesmo na da cintura. Agora só faltava o tubo. Bem, isto é a recruta portanto de certeza que não estão à espera que eu vá ao medico arrancar isto, pensei eu e arranquei aquilo do meu braço. Sangrou um bocadinho mas nada de mais. A terceira coisa na lista de tarefas era tentar acordar a outra rapariga, sempre era melhor passar por aquilo em grupo que sozinha.

Samantha Briston
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 61
Reputação : 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Gabrielle O'BRIEN em Sab 27 Dez 2014, 15:10

Quando acordei nao me lembrava de nada mas vi que a rapariga ao meu lado ja estava ao acordada. Lembrei me de quando tinha os olhos fechados ouvi uma voz grossa a falar de sangue de ser reposto e tirado, entao perguntei À rapariga ao meu lado:

- Sabes onde estamos? Ouviste o homem que estava a falar de sangue? Como vamos sair daqui?- perguntei-lhe

A rapariga que estava a mexer nuns ganchos disse:

- Estava a tentar acordar-te. Mas como já acordaste vou te libertar das correntes porque é a única maneira de sobrevivermos um pouco mais. - disse a rapariga.

-O que pensas fazer para sair daqui? Tem alguma coisa haver com a porta?-perguntei.

- Chiu!!!!!! Deixa- me concentrar. Mas sim, tem haver com a porta. - disse a rapariga

Algumas horas de pois sentamo- nos para pensar no que íamos fazer. Não ia ser fácil decerto. Mas tinhamos de ser mais espertos do que ele, ó seja lá quem seja. Depois de alguns minutos de silêncio eu disse-lhe:

-E se tentarmos ir pela porta? Deve estar blindada, mas temos de ser mais espertos do que essa pessoa que nos acorrentou.

Ela mais animada disse:

- Vamos tentar!!!

- Tem de haver alguma coisa que nos faça sair daqui.- pensei eu.

Aquela rapariga parecia ser boa pessoa, então esforcei-me para a ajudar e sairmos daquele inferno.


Última edição por Gabrielle O'BRIEN em Seg 29 Dez 2014, 12:30, editado 1 vez(es) (Razão : post duplo)

Gabrielle O'BRIEN
T-Shirt Azul
T-Shirt Azul

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 79
Reputação : 0
Idade : 13
Localização : onde tu queiras eu estou

Ver perfil do usuário http://violetta1847.webnode.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Gabrielle O'BRIEN em Sab 27 Dez 2014, 15:14

OFF: Blaine quero deletar este port e não consigo o que faço??


Última edição por Gabrielle O'BRIEN em Seg 29 Dez 2014, 12:34, editado 2 vez(es) (Razão : post demasiado curto com erros ortográficos)

Gabrielle O'BRIEN
T-Shirt Azul
T-Shirt Azul

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 79
Reputação : 0
Idade : 13
Localização : onde tu queiras eu estou

Ver perfil do usuário http://violetta1847.webnode.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Blaine Anderson em Sab 27 Dez 2014, 15:23

Cuidado com os posts duplos :3

Blaine Anderson
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 80
Reputação : 4

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Diana E. Grint em Sab 27 Dez 2014, 15:43

Collins saiu, Diana permanecera com Blaine na sala de comando.
Viram as duas raparigas a soltar-se de forma ridícula, não evitavam sorrir, continuava tudo a correr como planeado.
Segundos depois, via-se a imagem de Collins nas câmaras responsáveis pela área do corredor.
- O que lhe disseste? - perguntou Blaine.
- Nada de mais, apenas para não me desiludir...
- Sabes que ele devia estar vestido de branco... são as cores obrigatórias! - disse Blaine num tom severo.
- Eu sei mestre - assentiu a rapariga - mas não consigo evitar o quão bem ele fica naquele casaco vermelho..
As raparigas estavam ainda dentro da mesma divisão, por breves segundos ouviu-se um fechadura, depois outra e outra. A primeira porta estava destrancada. As câmaras mostravam Collins a mover-se, uma porta depois e as crianças foram surpreendidas pela sua pessoa.
- Red Lotus: sanguinem, deuocionem, et ad mare, et ad malum finem. - disse o rapaz.
As raparigas assustaram-se com a sua presença.
- Quem és tu? - perguntou uma delas.
- Ninguém. - respondeu o rapaz.
- Vieste tirar-nos daqui? - perguntou a outra ainda incrédula com essa possibilidade..
- Claro... - disse ele ironicamente - Eu só cumpro ordens.
As raparigas pareciam confusas, olharam uma para a outra com uma expressão que transmitia tanto de medo, como de desespero como de confusão.
Collins aproximou-se dos sacos de sangue e viu que a transfusão estava quase completa.
- Ah, engraçadas... - comentou olhando-as com desdém - sabem, respondo a alguém extremamente fascinante, e extremamente fantástica, e sei que se a agradar ela me vai recompensar... e como são agradáveis as suas recompensas...
As raparigas estavam ainda mais confusas à medida que Collins continuava.
- Sentem-se! - ordenou-lhes.
As raparigas permaneceram quietas.
- Sentem-se suas crianças nojentas! - disse Collins num tom que certamente fez Diana ter orgulho nele.
As raparigas sentaram-se.
Collins, num acto rápido espetou uma seringa no pescoço de cada uma delas e vez com que o líquido gélido lhes percorresse as veias. Quando elas já estavam a começar a sentir o efeito dos sedativos voltou a amarrá-las com tiras de cabedal, certificando-se que estavam bem presas e que não seria fácil desamarrá-las.
Posto isto dirigiu-se para a porta. Olhou para elas. "crianças estúpidas" pensou.
Na sala das câmaras Diana não conseguia evitar um sorriso de contentamento:
- Bem jogado, meu amor, bem jogado.



AS RECRUTAS DO GRUPO DO BLAINE NÃO PODEM POSTAR ANTES DO PRÓXIMO POST DO MESMO.


Última edição por Diana E. Grint em Sab 27 Dez 2014, 16:18, editado 1 vez(es)

_________________
Agente nr. 26

Diana E. Grint
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 496
Reputação : 14
Idade : 20

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/2500  (0/2500)
Experiência de Missão:
0/2500  (0/2500)
Capacidade Física:
0/2500  (0/2500)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Robert James Choke em Sab 27 Dez 2014, 17:03

Robert pensava numa maneira se livrar das cordas quando reparou em farpas gigantes que se formavam no chão.
Procurou por mais farpas no mastro com que pudesse cortar as cordas e encontrou uma escondida mesmo atras de si que, embora pequena servia.
Enquanto a tentava arrancar um marujo passou perto deles e olhou-lhes mas nada disse.
James recuperou do susto e conseguiu arrancar a farpa e começou a tentar cortar a corda.


Última edição por Robert James Choke em Sab 27 Dez 2014, 17:30, editado 1 vez(es)

Robert James Choke
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 18
Reputação : 0
Idade : 15
Localização : Confidencial

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  George Collins em Sab 27 Dez 2014, 17:17

A situação tinha sido controlada como a senhora tinha mandado, sai da sala recompus o meu casaco elevei a mão ao seu interior retirando um cigarro e colocando-o na boca. Comecei a caminhar na direcção da sala onde os mestres estavam a observar tudo o que se passava. Levei o meu tempo apreciando o cigarro que tinha na boca ate chegar a porta.
Lancei o cigarro para o chão, voltei a dar uma olhada ao meu casaco recompondo cada falha, devia estar apresentável para a senhora. Abri a porta e entrei, o clima era o mesmo desde que tinha saído, o silencio reinava naquele sitio, mas podia sentir o sadismo nas faces dos dois ali sentados.
Caminhei na direcção da minha mestra, sorri e fiz uma ligeira vénia, esta não demonstrou qualquer sentimento ou gesto de apreciação pelo que tinha feito, fria e rigorosa como sempre, dirigi-me ao Blaine e voltei a fazer uma vénia. Este respondeu com um simples olhar e deixei-me ficar de pé atrás deles os dois a observar as raparigas que tinham caído num outro sono.    Arrisquei e puxei de um cigarro, estava com demasiada adrenalina no sangue e precisava de descomprimir.

George Collins
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 47
Reputação : 1
Idade : 21
Localização : Somewhere bettwen worlds

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Blaine Anderson em Sab 27 Dez 2014, 18:30

Após Collins ter sedado e acorrentado as raparigas de novo às cadeiras, o mesmo voltou à Sala de controlo onde eu e Diana a minha sub-dita mais adorada estava sentada ao meu lado. Collins fez uma vénia a Diana ela nem um piscar de olhos fez, ensinei-a bem, ela é uma boa soldada, o meu melhor projecto, pensei eu. Quando Collins fez uma vénia à minha pessoa um olhar sádico e sedento de sangue foi lançado, ele sabia que eu era assim.
-Está na hora de dar novas instruções - disse eu para Diana, ela concordou com apenas um acenar de cabeça - Sabes que eu gosto que me respondam com palavras... Já agora onde estão os outros ?!
Diana estremeceu de medo, ela sabia o que lhe esperava se ela não me obedecesse, um castigo lhe seria infringido.
- Não sei mestre - disse a Rapariga num tom frio - Mas posso mandar o Collins para os procurar...
- Não tenho planos para ele e para as recrutas que estão amarradas na Sala. - disse, entreguei um auricular ao rapaz e disse -Vais para a Sala até elas acordarem, e vais escrever todas as regras que eu vou citar em sangue nas paredes antes das mesmas acordarem.
O rapaz acenou com a cabeça e fez uma vénia antes de sair.
Quando o rapaz chegou ao local com o auricular no seu ouvido eu citei as regras, e em sangue ele escreveu.
- Omnia dimittentur
- Eligitur
- Peccator
E quando o rapaz acabou de escrever aquilo disse através do auricular - Quando elas acordarem, vais perguntar o que estas palavras significam para elas... E depois diz que se elas quiserem sair dali têm de lutar até à... Morte.

Blaine Anderson
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 80
Reputação : 4

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Parker Krowne em Sab 27 Dez 2014, 20:29

O cheiro a peixe naquele convés era capaz de fazer o homem mais forte vomitar-se todo em segundos, porém a tripulação de Vince não era formada por homens banais. E isso era provado todos os dias....mesmo que fosse tudo encenado. Enquanto caminhava pelo convés onde os recrutas tinham sido amarrados, um deles iniciara a primeira tentativa de fugir às cordas que o prendiam contra o mastro. Ao passar por ele, fingi não ter visto nada do que ele fizera, embora ele mal conseguisse esconder. Dei mais alguns passos em frente e, de surpresa, saltei para trás, surpreendendo-o:
- Bu! Ora, ora, ora.... Estás a tentar fugir, peixinho de água doce? Se quiseres, podes ir tentar nadar com uns amiguinhos ali na água. - aproximei-me do ouvido dele e sussurrei - Mas cuidado que eles têm dentes afiados e uma fome do caraças.
Ergui-me novamente e berrei, tentando assustá-lo:
- Brinca comigo mais uma vez e vais andar na prancha. É bom que saibas surfar, peixinho. - e ri-me enquanto me ia embora

Parker Krowne
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 74
Reputação : 2

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Robert James Choke em Sab 27 Dez 2014, 21:55

Era de noite.Eu sido descoberto mas as cordas já estavam suficientemente largas para me soltar e escondi-me no meio dos barris. Quando levantei a cabeça para espreitar reparei que estavamos perto da costa. De repente tive uma ideia: o bote de salvamento. Aproximei-me deste mas estava um marujo perto . Tinha no máximo 10 minutos ate que alguem se apercabesse que me tinha soltado e decidi avançar. Aproximei-me pelo sujeito pelas costas e dei-lhe um pontapé alto na cabeça era um homem pequeno pelo que desmaiou logo. Começei a baixar o bote mas de repente a corta soltou-se e o bote caiu para a água, o barulho alarmou Vince que reparou que eu tinha escapado e veio á minha procura. Eu saltei para o mar e subi para o bote para escapar

Robert James Choke
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 18
Reputação : 0
Idade : 15
Localização : Confidencial

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Vince Morte em Sab 27 Dez 2014, 23:02

Estava Vince feliz e contente no seu camarote, a pensar em Blaine enquanto tentava dormir, quando ouve um som estranhamente parecido ao de um pescoço a partir-se. Rápido como uma flecha, levantou-se (como dormia numa cama de rede, não fazia questão de tirar as botas) e foi averiguar o que se passava. Qual não é o seu espanto quando se depara com Robert a tentar fugir num bote salva-vidas. "Raios, que gajo maluco que me tinha de calhar....", pensou ele. A primeira coisa que viu foi o marujo estendido no meio do chão. Tratava-se de um agente da CIA, ainda em formação, que viera especialmente para aquela recruta. Encostou dois dedos ao pescoço dele, verificando a pulsação. Estava apenas desmaiado. Depois disso, Vince apoiou-se na amurada, tentando ver Robert. O bote feito uma queda tão aparatosa que aterrou ao contrário, e o barulho atraíu o resto da tripulação ao convés. O capitão sacou o revólver e disparou dois tiros certeiros. Com um furou o bote, que se começou a afundar lentamente. O segundo tiro passou de raspão no braço de Robert, deixando um rasto de sangue.
-Muito bem, seu vermezinho nojento, é assim que queres? - gritou Vince. - Muito bem, tens duas opções, ou ficas aí e esperas que um tubarão te coma, o que não deve demorar muito, OU VOLTAS IMEDIATAMENTE PARA O CONVÉS, E VAIS PAGAR PELA MERDA QUE ACABASTE DE FAZER!
Parker atirou uma corda com nós na direção de Robert. Este, espreitando por cima do ombro, viu dois tubarões a nadar no seu alcance, e apressou-se a nadar até á corda, e depois a subir por ela até ao convés, onde chegou a tremer de frio, dor e medo. Mal pôs um pé no chão, Vince puxou-o violentamente pelos cabelos contra o seu peito, e desembainhou o sabre encostando-o ao pescoço do recruta de modo a deixar escorrer um fio de sangue.
-ACHAS-TE ESPERTO, É? - gritou Vince ao ouvido de Robert - PENSAS QUE ÉS MELHOR QUE OS OUTROS? QUE PODES ATACAR UM DOS MEUS MARUJOS E FUGIR ASSIM SEM MAIS NEM MENOS? - Vince olhou para James, que se apressou a estender uma escova de dentes na direção do recruta que a olhou, estupefacto - Sim, isto é uma escova de dentes, e sabes o que vais fazer com ela? Prestar o teu tributo á Bela Dama! Se até ao nascer do sol houver um centímeto quadrado que seja dos três metros daquela figura de proa que não esteja a resplandecer, TU VAIS ARREPENDERES-TE DE TER NASCIDO! E NÃO HÁ CÁ ARNESES PARA NINGUÉM! - Vince cuspiu-lhe no ouvido e soltou-o com um pontapé.

Vince Morte
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 39
Reputação : 3
Localização : Algures numa cama perto de si

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Recruta nº27

Mensagem  kika Reis em Sab 27 Dez 2014, 23:53

O meu companheiro tinha sido apanhado, mas eu ainda não tinha tentado e era a minha vez...com a tentativa de fuga do meu colega, eu consegui libertar-me das cordas e saltei para o mar gelado que me queimava os ossos e enregelava.
A muito custo escondi-me agarrada ao barco e tentei preparar um plano para ajudar o meu colega enquanto permanecia escondida.
Consegui agarrar numa pisola e numa navalha mas tinha de refletir muito bem no que ia fazer e quando ia atacar, pois não os podia matar, tinhamos de ter muito cuidado...


Última edição por kika Reis em Dom 28 Dez 2014, 20:38, editado 3 vez(es)

kika Reis
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 12
Reputação : 0
Idade : 15
Localização : Coimbra

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Samantha Briston em Dom 28 Dez 2014, 00:18

Passado algum tempo acordei. Já estava um bocado farta de estar sempre a desmaiar mas pronto, não podia evitar certas coisas. A primeira coisa que vi foram três frases escritas na parede: Omnia Dimittentur, Eligitur e Peccator. Estavam escritas numa estranha tinta vermelha. Sangue talvez... Ao lado estava um rapaz. Mal ele viu que eu e Gabrielle estavamos a acordar perguntou:
-Rápido! O que que estas três frases querem dizer?
Eu não fazia a minima ideia então atirei á sorte:
-Hmm.. Não sei. A ultima talvez pecado ou pecador, a segunda algo como segredo ou sigilo, não sei bem e a primeira... A primeira não sei, talvez algo relacionado com a mente, uma escolha...



Samantha Briston
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 61
Reputação : 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Robert James Choke em Seg 29 Dez 2014, 19:37

Dirigi-me para a proa e ajoelhei-me.. Passei duas horas a escovar e nem metade estava limpo, continuei a escovar mas quase nada limpava. Passei a noite em branco, pensando na recruta e nas minhas duas tentativas falhadas de fuga. Ainda nao tinha decidido se fugia se obedecia mas Vince parecia ser implacavel. Pensei tambem na minha colega, aquela que estava amarrada no mastro comigo, nunca mais a vira .Quando dei por mim o sol estava a nascer sobre o horizonte e eu já estava a acabar de limpar a Bela Dama. Vince devia estar a acordar portanto apressei-me o mais que pude a esfregar as algas da figura de proa. Quando acabei encostei-me á Bela Dama e adormeçi.


Última edição por Robert James Choke em Ter 30 Dez 2014, 22:24, editado 2 vez(es)

Robert James Choke
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 18
Reputação : 0
Idade : 15
Localização : Confidencial

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Diana E. Grint em Seg 29 Dez 2014, 20:37

Collins permaneceu na sala à espera da resposta das raparigas.
"Hmm.. Não sei. A ultima talvez pecado ou pecador, a segunda algo como segredo ou sigilo, não sei bem e a primeira... A primeira não sei, talvez algo relacionado com a mente, uma escolha..."
Sam respondeu de forma um pouco desajeitada e nem uma palavra se ouviu de Gabrielle.
- Crianças estúpidas! – disse o rapaz – sabem, eu vinha alimentar-vos! Mas vocês são ignorantes! Nem comida merecem!
Collins saiu da sala, pelo caminho olhou para a câmara, como se essa fosse a única forma de olhar para a sua Mestre e de vislumbrar a beleza que ela sempre escondia.
Na sala das câmaras Diana e Blaine estavam cada vez mais desapontados com as recrutas.
- Podes ir por hoje – disse Blaine, amanhã volta cedo. Mas antes de ires, entrega isto ao teu amado Collins, por favor.
Diana pegou no papel que se dirigia a Collins e saiu.
- Collins! – disse a rapariga quando o avistou – toma! Do Mestre, para ti. E Bom trabalho.
O tom de Diana permanecia sério e sem qualquer tipo de sentimento, mas reconhecimento era suficiente para o rapaz.
Na manhã seguinte, quando Diana entrou no edifício e se dirigiu à sala das câmaras viu algo de distinto.
- Oh! Já chegaste! Senta-te minha querida – dizia Blaine animado – o teu servo foi mais uma vez competente em meter aquelas duas a dormir.
- Mestre… quem é aquela? A Ruiva. Ela não estava cá. – inquiriu Diana um pouco incrédula.
- Ah, a Sasha… Bem, achei que mais uma seria divertido…
Diana sorriu, certamente mais uma recruta tornaria as coisas mais divertidas, e talvez até mais animadas.
- E agora, Mestre, o que vamos fazer com elas quando elas acordarem?

_________________
Agente nr. 26

Diana E. Grint
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 496
Reputação : 14
Idade : 20

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/2500  (0/2500)
Experiência de Missão:
0/2500  (0/2500)
Capacidade Física:
0/2500  (0/2500)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Blaine Anderson em Seg 29 Dez 2014, 21:07

Depois de Diana ter saido com a nota que eu dei para ela entregar a Collins, ele saiu para ir buscar a minha nova aquisição, a nossa nova recruta, uma rapariga de beleza extrema, assim por dizer como uma miragem de uma ninfa de cabelo laranja e pel pálida.
Collins voltou ao fim da noite, com as outras duas recrutas adormecidas e agora uma terceira, elas estavam sentadas num circulo, a primeira fase de lavagem cerebral já estava concluida, extrassão de sangue, ela iria acordar com uma bela dor de cabeça, já era de manhã, e elas já estavam num estado meio dormente, mas ao mesmo tempo acordadas eis que entra Diana a minha adorada subdita.
- Oh! Já chegaste! Senta-te minha querida – disse eu animado – o teu servo foi mais uma vez competente em meter aquelas duas a dormir.
- Mestre… quem é aquela? A Ruiva. Ela não estava cá. – inquiriu Diana um pouco incrédula.
- Ah, a Sasha… Bem, achei que mais uma seria divertido…
Diana sorriu
- E agora, Mestre, o que vamos fazer com elas quando elas acordarem?
-Bem elas já estão a acordar, está na hora de dar mais uma ordem a Collins - disse eu friamente e com um sorriso sádico.
Através do microfone eu dei ordens ao Collins.
-Acorda as recrutas, e continua com o ritual de lavagem cerebral, faz com que elas nos adorei e estejam dispostas a fazer tudo por esta seita, não te esqueças explica à nossa recruta que têm de lutar, para sobreviver... - acabei eu de dizer.
-E agora mestre ?! - perguntou Diana.
-Vamos ver o que as nossas meninas são capazes, Shall we my darling ?! - terminei eu.

Blaine Anderson
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 80
Reputação : 4

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Sasha Acherman em Seg 29 Dez 2014, 21:24

Sasha havia sido despertada por um rapaz. O seu casaco vermelho era a única coisa que conseguia ver. Estava confusa, havia-se deitado na sua cama e agora havia acordado ali.
- Mas que raio?! - pensou a rapariga.
Sentia o corpo pesado, como se algum tipo de anestesia lhe tivesse sido administrada.
- Onde é que estou? O quê? Quem são vocês? - perguntou um pouco perdida..
Nenhuma das suas perguntas foi respondida.
Estava, juntamente com mais duas raparigas atada a uma cadeira, as cordas cortavam as suas mãos, não se poderia soltar com facilidade. Olhou em seu redor tentando perceber o ambiente onde estava. Viu dois sacos de transfusão de sangue vazios ao lado das outras duas cadeiras, essa imagem assustou-a, tinha pavor a agulhas e não queria de todo outro sangue que não o dela no corpo.
Olhou para as outras raparigas e estavam de igual forma sentadas e amarradas.
Sasha começava a sentir-se claustrofóbica dada a pouca mobilidade que possuía, respirou fundo e parou para pensar, não havia nenhuma forma fácil para se soltar, teria de esperar que uma alma caridosa ou o rapaz giro do casaco vermelho a soltassem, mas uma coisa era certa, não queria ficar ali eternamente.
Ainda se sentia um pouco tonta, não conseguia pensar propriamente, tinha a visão ainda um pouco desfocada e a única imagem que havia conseguido guardar foi a da bela cara do rapaz que a havia acordado.
A sua cabeça começava a pesar, tentava manter-se desperta para não perder nenhum pormenor importante, sentia-se fraca. Não sabia o que estava ali a fazer, mas estava assustada e só queria sair dali.

Sasha Acherman
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 16
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Salendiz Wolf em Ter 30 Dez 2014, 01:11

Navegar era uma sensação que Salendiz, por muito que quisesse, não conseguia descrever. Infelizmente eram poucas as vezes que Salendiz era capaz de navegar sozinha, normalmente partilhava um barco com um monte de piratas nojentos. O seu maior sonho era possuir um barco só seu e navegar, sozinha, para onde quisesse e domar todos os mares e todos os oceanos e todos os rios e todos os lagos, domá-los a todos, ser rainha de todas as águas e navegá-las quando sentisse vontade de o fazer. Muito gostava a rapariga de divagar... Uns pensam mais quando deitados, Salendiz pensa mais quando no mar. Deitada num pequeno bote, preso por uma corda ao Espírito do Oceado, era assim que passava a maioria dos seus dias, para fugir aos piratas que a tentavam seduzir e para evitar que a incomodassem. Divertia-se a ouvir as conversas privadas dos piratas, normalmente queixavam-se uns dos outros e do Capitão, a rapariga fazia questão de que, quando interessantes, estas fofocas chegassem a Vince, que não demorava a castigá-los, a parte mais engraçada sobrava-lhe a ela, que é, basicamente, rir da miséria deles e, o melhor, é que eles nunca descobriam quem era o 'sacana desgraçado' que fornecia a informação ao patrão. Nisto, ouviu um um estrondo, de onde teria vindo? O que raio o poderia ter provocado? Confusa, a rapariga levantou-se e empurrou o bote para longe do barco, de modo a aumentar o seu campo de visão. E não era que um estúpido de um miúdo se tinha atirado ao mar num dos botes? Dois disparos soaram por todo o pacífico, o Vince já se havia apercebido e estava a tratar do assunto, pelos vistos não era necessária intervenção da rapariga. Voltou a deitar-se e fechou os olhos, tapando-se com uma das mantas que se encontrava no seu bote. Poucos minutos haviam passado, estava sossegada no seu bote, a fazer a sesta diária quando algo cai na água, perto do se bote, fazendo com que Salendiz acabe toda encharcada. Sem ruído, destapa a cabeça, para lhe ser possível ver o que se estava a passar. Era uma miúda, uma estúpida de uma miúda decidiu imitar o estúpido do miúdo e atirar-se também à água, mas esta ainda mais estúpida era porque havia saltado para o oceano gelado, sem bote e havia caído mesmo junto do bote da Salendiz, que pouca sorte... A navalha e uma das pistolas que possuía estavam na ponta do barco, a miúda tinha conseguido apanhá-las, felizmente não era preocupante, porque Sal tinha mais armas consigo e tirar-lhe aquelas ia ser como tirar o gancho ao Capitão (piadas de pirata eheh). Salendiz aproximou-se, lentamente e sem barulho, da miúda e, sem que esta notasse que tinha companhia, agarrou-a pelas costas e controlou-lhe, com uma perna, o braço que agarrava a navalha e, com um braço controlou a pistola, apontando-a para o crânio da pequena jovem. Com a mão que tinha livre, tirou-lhe a navalha, colocando-a dentro de uma bolsa que trazia na algibeira, tirando-lhe, de seguida a pistola da mão e agarrando nela a própria Salendiz, deixando-a na mesma apontada à cara da miúda.
- Não faças nada estúpido... bem... mais nada... - sussurrou-lhe ao ouvido, soltando uma suave gargalhada - Eu sou a SAL e se não fizeres o que te digo, bem, vais-te dar MAL (teve de ser). Agora, vem comigo, vou levar-te ao Vince.
Salendiz pegou na rapariga e levou-a num dos braços, usando o outro para subir a corda que ligava o seu bote ao Espírito do Oceano, quando no cimo da corda, atirou a rapariga para dentro do barco e saltou também.
- Vince, trouxe um tesourinho! E não... não trouxe moedas de chocolate. - disse Sal, rindo-se dos seus dotes humorísticos - A moça atirou-se ao mar e roubou as minhas armas, acho que ela não preparava boa coisa, ainda bem que eu estava lá em baixo a trabalhar, uh?

Salendiz Wolf
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 111
Reputação : 7
Idade : 19
Localização : Micronesia

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/0  (0/0)
Experiência de Missão:
0/0  (0/0)
Capacidade Física:
0/0  (0/0)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Gabrielle O'BRIEN em Ter 30 Dez 2014, 14:27

Quando acordei vi uma menina ruiva muito bonita, decerto que nos iamos tornar boas amigas. Samantha ainda estava a dormir. Lembro-me de quando ia responder que aquelas palavras queriam dizer ''perdoado, escolhido, pecado'' em latim mas que aquele homem falou primeiro e eu nao tive coragem de o enfrentar e depois adormeci. Depois de interromper os meus pensamentos perguntei:

- Quem és tu?

- E tu quem és?

- Sou a gabrielle e aquela menina é a samantha, nao nos lembramos do que aconteceu até aqui mas o resto é uma longa história.

Entao contei-lhe tudo o que aconteceu desde a voz misteriosa ate as palavras estranhas em latim.

Gabrielle O'BRIEN
T-Shirt Azul
T-Shirt Azul

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 79
Reputação : 0
Idade : 13
Localização : onde tu queiras eu estou

Ver perfil do usuário http://violetta1847.webnode.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Samantha Briston em Ter 30 Dez 2014, 14:46

Quando acordei (pela terceira vez) reparei que Gabrielle já estava acordada e que uma nova rapariga também. Não me lembrava de a ver ali, mas se calhar foi só erro meu. De qualquer forma decidi perguntar:
-Quem és tu? Já estavas cá antes?
-Sou a Sasha e pelo menos que me lembre não, não estava cá antes - respondeu ela.
-Ok, caso não saibas sou a Samantha e isso de apareceres do nada é muito estranho....
Como ela não disse mais nada pus-me a pensar. A ultima coisa que me lembrava era daquele homem loiro e assustador a falar. Bem no fundo da minha memória estava um ainda pior, o que tinha estado connosco da primeira vez. Isto era tudo muito esquisito e começava a ficar um pouco preocupada. Além do mais tinha fome, muita. Esperava que não nos obrigassem a beber o nosso sangue, que continuava num saco ao nosso lado. Há quanto tempo estavamos cá? 1 dia, 2? Era bom saber, mas não havia nada em que nos pudessemos basear para termos noção do tempo sem ser a nossa própria percepção. Queria tanto que isto acabasse rápido ou que pelo menos me explicassem o que se estava a passar sem me porem a dormir a cada segundo... E a fome, tanta fome....

Samantha Briston
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 61
Reputação : 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Sasha Acherman em Ter 30 Dez 2014, 15:41

As restantes raparigas já haviam acordado. Estavam a encher Sasha com perguntas que ela detestava. Não precisavam de saber quem ela era nem nada de mais, só tinham de se concentrar em sair dali.
Sasha não queria ser rude, mas a verdade é que não era propriamente a melhor pessoa para fazer novas amizades.
Tentou soltar-se. Tentou mover os pulsos mas não conseguiu muito mais do que uns cortes das cordas nos seus pulsos.
Parou para inspeccionar a sala, para além de toda a tecnologia a parede era feita de pedra, o que fez Sasha pensar que estariam numa cave. O facto de não ter propriamente muitos amigos fez com que a rapariga passasse imenso tempo ligada a livros, o que naquele momento a ajudou imenso. Só precisava de esperar que o rapaz saísse da sala para por o seu plano em prática!
"COLLINS, VEM CÁ e SÊ RÁPIDO" ouvi pelas colunas existentes na sala. Era a sua oportunidade!
Assim que Collins saiu a rapariga, ainda presa à cadeira, tentou mover-se juntamente com a mesma até uma esquina da parede. Havia uma espécie de pedra solta na parede, Sasha havia visto ali a sua oportunidade. Virou-se de costas para a parede e após muito esforço conseguiu alcançar a pedra, tentou cortar as cordas com o objecto, tal e qual as pessoas na pré-história. Após alguns segundos tinha as mãos livres.
Sabia que não podia simplesmente soltar-se sem ser castigada, sabia também que havia câmaras, pelo que levantar-se seria assinar a sentença da sua morte.
Era uma alívio enorme ter as mãos soltas, mas permaneceu sentada, atirou a pedra para o chão e suspirou:
- Raios! Não consegui!
Voltou a arrastar-se juntamente com a cadeira para o seu lugar.
Segundos depois a porta abriu-se e o rapaz de vermelho estava de volta.
- Foi por pouco, - pensou a rapariga - preciso de me concentrar!

Sasha Acherman
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 16
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Vince Morte em Ter 30 Dez 2014, 21:39

A noite já ia a meio quando o sono de beleza do capitão Vince voltou a ser interrompido, desta vez por Sal, que dera com Kika numa tentativa estúpida de fuga.
-Ridículo! - exclamou Vince, ao chegar ao convés e ver a rapariga toda molhada e a tremer. - Absolutamente ridículo! De facto, não há palavras suficientes para expressar o quão estupefacto eu estou com a proeza que acabaste de tentar. TU ÉS UMA MULHER OU ÉS UM RATO? DIZ-ME, COMO RAIO ESPERAVAS SAFAR-TE DESTA? - e então interrompeu-se. - Não, espera, sabes uma coisa? EU NÃO QUERO SABER! Bakura, amarra-a bem e leva-a para o porão. Mais tarde arranjarei uma função para ela.

Depois disto, qualquer tentativa de dormir era inútil, portanto Vince pôs-se a palmilhar o convés, da ponta á proa, verificando a rota que seguia, supervisionando o castigo de Robert, dando apoio moral aos seus marujos....trabalho não faltava.
O amanhecer trouxe uma novidade. Através do seu monóculo, Vince avistou um luxuoso iate a estibordo. Com o avançar do tempo, o iate começou a aproximar-se da sua fragata, e o capitão distinguiu duas pessoas na outra embarcação. Com o apito, chamou toda a gente ao convés.

-MARUJOS! - começou ele, com a sua voz de comando. - Aproxima-se um iate a estibordo! Pelo que me foi dado a perceber, só contém duas pessoas, e provavelmente está cheio de bens de luxo! Vamos atacar! Bakura, vai buscar a rapariga lá baixo. Ela vai fazer o reconhecimento. Já sabes, se ela tentar fugir, é para abater!

OFF: Podem postar os preparativos para o assalto, e o início deste.


Última edição por Vince Morte em Ter 30 Dez 2014, 22:35, editado 1 vez(es)

Vince Morte
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 39
Reputação : 3
Localização : Algures numa cama perto de si

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Finnick Odair em Ter 30 Dez 2014, 21:50

Agora eu e Virgínia que estávamos incobertos de ajudar o Vince a treinar estes recrutas, para ser sincero desde de que entrei estava maior e mais musculsdo mas como é óbvio o tom de cabelo cor de cobre e ruivo não me tinha deixado, mas a palidez inglesa tinha tomado conta do meu corpo.
Esta recruta tinha sido iniciada num sitio distante e para ser sincero uma das ideias mais inovadoras em termos de recruta, uma recruta no Japão, bem isto iria ser interessante, viajamos todo o caminho de Inglaterra para o Japão num dos jatos da Cherub, como é óbvio eu e a Virg traziamos uma prenda para Vince, após os seus relatórios sobre os recrutas o diretor achou melhor que ouvesse outro recruta, um para cada lado, sim pelo que parece os recrutas do Blaine não se estavam a portar como deve de ser também.
Foi nos entregue um recruta rapaz, Keith Kopp, original de Itália, um sotaque extremamente acentuado, mas temo que tenho de admitir que este é um recruta talentoso, bem são todos, se não decerto que não estariam aqui. Keith esteve a viagem toda adormecido, quando chegamos ao cais no Japão, eu e a minha adorada "esposa" Virgínia, com o meu "irmão" mais novo nos braços, poid coitadinho estava a dormir alugamos um iate de luxo, tudo aquilo que tínhamos direito, a viagem foi calma, apesar de que por vezes tinhamos de adormecer o novo recruta, ele encotrava-se no interior do barco enquantoneu e a minha esposa Virgínia aproveitámos o nosso belo champagne e as belas vistas que o mar nos tinha para dar.
Enquanto eu falava com o nosso capitão privado, Virgínia avista algo ao fundo, lá no horizonte e como boa agente ela em Japonês fluente diz:
-Meu amor, estou a ver algo ao fundo do mar, parece a silhueta de um navio.
Conforme nos aproximavamos mais, eu dirigi-me para junto da proa do iate e com os meus binóculos, avistei uma bandeira preta.
-Bem estamos a chegar ao destino - disse em russo para o capitão não perceber - Estamos perto do Vince, ele vai ficar contente.
E com isto enviei uma mensagem a Vince.
- Virg, hora de dar espetáculo meu amor - disse eu a sorrir.

_________________
Agente:39

Finnick Odair
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 460
Reputação : 5
Idade : 20

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/2500  (0/2500)
Experiência de Missão:
0/2500  (0/2500)
Capacidade Física:
0/2500  (0/2500)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Recruta nº 27

Mensagem  kika Reis em Qua 31 Dez 2014, 16:06

Estava escondida sem saber o que fazer e a tentar não desmaiar de frio quando uma das minhas mãos escorregou eu estava atrapalhada pois se um dos marujos ouvisse ficava lixada --fui uma estupida em tentar fugir assim. pensei-- e foi então que senti umas mãos a agrarrarem-me e a alguem a lutar comigo apercebi-me então de que os meus receios estavam corretos. Eles tinham-me encontrado.
Quando vi que o Mister Morte se aproximava temi logo o pior mas ele só me amarraram no porão depois de um grande raspanete portanto ainda tinha algum tempo para pensar...
Mais tarde comecei a ouvir uma grande agitação e algazarra, gritos e ordens por todo o lado, que se estaria a passar e  foi então que surgiu um marujo que me avisou que era eu a ir fazer o reconhecimento de um iate que se aproximava e que ia estar a ser vigiada para o caso de me armar de novo em espertalhona!!!
De qualquer forma não me parecia que tinha alguma saida e ainda por cima eles estavam a vigiar-me a cada segundo, desta vez estava tramada à séria...


Última edição por kika Reis em Qui 01 Jan 2015, 18:16, editado 3 vez(es) (Razão : ... :-\ ...)

kika Reis
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 12
Reputação : 0
Idade : 15
Localização : Coimbra

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  George Collins em Qua 31 Dez 2014, 16:35

Entrei na sala e peguei num cigarro acendendo-o, comecei a andar sobre a sala onde as raparigas estavam.

-Vocês sabem onde estão?

O silêncio manteve-se entre as raparigas, retirei a faca que tinha escondida no casaco e comecei a fazê-la girar no ar, caindo sobre a minha mão.

-Parece que vocês só sabem falar entre vocês.

Continuei a andar em círculos até o meu pé dar um pequeno chute numa pedra solta. Aquilo intrigou-me, a sala tinha sido preparada para não haver qualquer possibilidade de fuga, e aquela pedra era um sinal claro de que alguém foi mal comportado.

-Já que vocês não falam eu falo por vocês. Neste momento vocês pertencem ao meu mestre e a minha bela mestra. Vocês vão ser treinadas como armas e a única coisa que vão saber fazer é matar.

Acocorei-me sobre a Sasha e olhei-a nos olhos. Encostei a minha faca ao seu pescoço.

-Existe uma coisa que eu não suporto, e isso é insubordinação.

A faca ficou cada vez mais perto do seu pescoço, conseguia sentir a sua pulsação acelerada no cabo da arma, um fio de sangue começou a escorrer pelo seu pescoço.

-Levanta os braços...

O movimento foi relutante.

-De pé... Isto minhas senhoras é insubordinação. E a Red Lotus não suporta tais actos, nos somos a elite da elite no que toca a assassinos, somos os melhores do Japão, e não sei como vocês foram escolhidas para fazer parte dela. Se quiserem sobreviver façam de tudo para tal, um Red Lotus só morre quanto todo o seu sangue desaparece.

Deixei a Sasha ficar de pé e fui na direcção das outras cortando as suas cordas, atirei a minha faca para o centro da divisão e cheguei-me a porta, pousei o meu casaco no chão e acendi um cigarro.

-Lutem, até a morte. Quem sobreviver e passar por mim terá o grande privilégio de servir os mestres...

George Collins
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 47
Reputação : 1
Idade : 21
Localização : Somewhere bettwen worlds

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Sasha Acherman em Qua 31 Dez 2014, 17:31

Sasha sentiu-se revoltada, havia sido apanhada. Mas quem era aquele? Ele não tinha como a ter descoberto. Por mais sensual que fosse Sasha começava a odiá-lo.
Ele queria que elas lutassem não era, então iam lutar. Não era uma rapariga vilenta, e não queria magoar as companheiras, mas aquele rapaz estava a dar com ela em doida.
Deu um pequeno salto para trás, com a palma da mão firme e esticada aplicou um golpe no pescoço de cada uma das recrutas.
- Desculpem… - suspirou junto a elas.
Sabia que aquilo era suficiente para as deixar inconscientes por uns momentos.
Fitou Collins, cheia de raiva e respondeu:
- E agora, vais fazer o quê? Passar essa lâmina pelo meu pescoço e ter prazer em ver o sangue a escorrer? Ou voltar para essa tua mestra a contar o que aconteceu? Raio de mestra a tua… Enfim.
Fez-se silêncio. A rapariga continuou.
- Não me vais matar, nem querias que nos matássemos, se vamos ser treinadas precisas de alguém para treinar não é? Pessoas mortas não treinam.
As madeixas do cabelo ruivo de Sasha estavam a tapar a sua cara, interiormente não sabia como tinha sido capaz de dizer aquilo. Na realidade estava receosa do que poderia acontecer mas não era capaz de evitar o gozo que lhe dava enfrentar o rapaz.

Sasha Acherman
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 16
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Diana E. Grint em Qua 31 Dez 2014, 18:30

Diana na sala das câmaras estava incrédula com o que havia acontecido.
- Mestre! Mestre! Olhe...
- Calma, minha querida, o teu Collins está bem treinado, vamos esperar para ver - disse Blaine pacientemente.
- Mestre.. isto estava planeado? - inquiriu Diana.
- Bem.. Sabemos que pelo menos uma delas tem atitude...
Através das câmaras Collins começava a reagir:
- Dei-vos um presente e vocês não o usam... Ingratas! - disse Collins dançando com a faca entre os dedos. - Sasha.. Sasha... não brinques comigo...
Via-se o medo reflectido na cara de Sasha e a fúria a transbordar nos olhos de Collins.
- Não te atrevas a insultar a minha mestre! - rosnou Collins - Não ouses difamar a mulher mais poderosa e fascinante que eu já conheci!
- Ela, que te usa como fantoche? Que faz de ti o boneco dela? Estas iludido com amor...? Pensei que devíamos ficar fortes e não assistir a novelas!
Collina irritou-se. Diana e Blaine assistiam a toda a discussão através do sistema de vigilância da sala.
- Mestre... Temo pela rapariga, o Collins é-me demasiado devoto para deixar aquilo passar em vão.
Blaine assentiu com a mão.
No momento em que Diana entrou na sala. Com o corpo coberto com uma capa que tapava quase por inteiro a sua cara viu Collins que segurava fortemente a sua faca na mão. Sasha estava deitava no chão, afastando-se de Collins que, curvado sobre ela gritava:
- Não te atrevas a voltar a insultá-la! Nunca mais!
Dito isto, dirigiu-se para a rapariga. Centímetros antes de fazer deslizar a faca pelo pescoço da rapariga Diana parou-o.
- Collins! Pára!
Ao ouvir a voz da sua Mestre Collins deixou-se cair nos seus braços.
- Ela... criança nojenta! - sussurrava o rapaz.
- Meu Collins, anda... - disse Diana com uma voz que o rapaz nunca tinha ouvido.
Sem se dirigir às raparigas, Diana saiu com Collins da sala deixando-as lá.
- Elas não têm como sair, isso é certo. - disse ao rapaz enquanto se afastavam.


_________________
Agente nr. 26

Diana E. Grint
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 496
Reputação : 14
Idade : 20

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/2500  (0/2500)
Experiência de Missão:
0/2500  (0/2500)
Capacidade Física:
0/2500  (0/2500)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Parker Krowne em Qui 01 Jan 2015, 20:12

- Preparem-se! Estamos quase lá! - berrei.
O iate estava demasiado perto de nós para conseguir fugir. Com o auxílio de uns binóculos, um dos marujos avisou que via 3 adultos e 2 crianças. Matar crianças não era coisa que uma tripulação como a de Vince fazia, mas os adultos eram outra coisa. Vince até os podia deixar vivos SE estes colaborassem:
- Saquem das espadas, agarrem as cordas....Ao meu sinal! - a tripulação agarrou-se ás cordas que serviriam para saltar para o barco - ATACAR!
Gritos de guerra ecoaram pela embarcação, enquanto os agentes disfarçados atiravam-se para dentro do iate. Eu tive que tomar a dianteira do ataque, pelos atrasos que ocorreram com os nomeado de Vince.

(...)

No interior do iate encontrava-se Finnick, Virgínia, o capitão do barco e um jovem. Aproximei-me de Finn e apontei-lhe a espada à garganta. Todos os agentes no barco sabiam quem eles eram e o que aquele jovem ali fazia:
- Diz-me onde estão os valores! Quero jóias, dinheiro, TUDO!
O rapaz começava a acordar, estando encostado a Finn. Aproveitando a "distração", agarrei no miúdo e encostei-o a mim, mudando a lâmina do pescoço de Finn para o do recruta:
- Dá-me ou quem sofre é o puto!

Parker Krowne
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 74
Reputação : 2

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Virginia Hall em Sex 02 Jan 2015, 14:59

Vírgínia e Finnick não fizeram menção de recuar ao ver um barco com a bandeira pirata correr, nada discretamente, na sua direção. Na verdade, eles nem o viram, já que estavam demasiado ocupados com uma demonstração prática do que seria uma verdadeira lua de mel de um casal apaixonado, mesmo na proa do seu iate, em plena luz do dia. O capitão, um agente da CIA, ocupava o seu tempo fingindo não os ver, de modo que olhava exatamente para o lado oposto do barco pirata. Já Keith, esse ainda estava inconsciente. Tudo corria como planeado.
Ao ouvir os gritos de guerra, os dois t-shirt cinzentas apenas tiveram tempo de vestir um biquini, no caso de Vírginia, e uns calções de banho, para Finnick, enquanto pegavam nas suas armas, previamente carregadas com munições de paintball vermelhas. Na verdade, apenas dois agentes, que vinham no barco pirata, iriam usar munições veradeiras, de modo a causar alguns estragos ao iate, deixando o ataque mais realista.

***

- Dá-me ou quem sofre é o puto! - ameaçou Parker, enquanto agarrava Keith, apontando-lhe uma espada.
Finnick aproveitou o momento para disparar na direção de Parker, que caiu desamparado no chão. Vírgínia "matou" Bakura, que lhe apontava a arma, e a confusão estava lançada. Os invasores iam todos caindo por terra, mas mais e mais entravam sempre no iate, já pequeno para tanta gente.

_________________

Virginia Hall
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 328
Reputação : 3
Idade : 21
Localização : Localização Secreta

Experiência de Agente
Estudos e Estratégia:
0/2500  (0/2500)
Experiência de Missão:
0/2500  (0/2500)
Capacidade Física:
0/2500  (0/2500)

Ver perfil do usuário http://afilhadeathena.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Vince Morte em Sex 02 Jan 2015, 16:23

Vince entrou no iate bem a tempo de desviar Robert e Kika de duas balas. Sem manter o sangue frio, conseguiu disparar na direção de Finnick, ao mesmo tempo que passava uma rasteira a Virgínia, "matando-a" de seguida. O capitão do iate já estava por terra há muito. Depois de mandar um marujo levar Kaith para o seu barco, Vince soltou o seu melhor suspiro dramático, vendo metade da sua tripulação por terra. Percorreu o iate, retirando todo o dinheiro e ouro que encontrou e levou-o para o barco. Depois atirou todos os "mortos" á agua, para dar um pouco de realismo, dizendo algumas palavras simbólicas. Depois de um grande elogio funebre, lançou o corpo também o corpo de Vougan, que até ao momento estivera sob o efeito de um sedativo. De seguida, mandou Keith, Robert e Kika para o seu camarote de modo a que eles não vissem os "mortos" a nadar de volta ao iate, e deu ordens para a sua fragrata partir a toda a brida.

Vince Morte
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 39
Reputação : 3
Localização : Algures numa cama perto de si

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Keith Kopp em Sex 02 Jan 2015, 17:03

Antes do ataque ao iate começar eu fui acordado violentamente, por dois estranhos um rapaz de cabelo cor de bronze e uma rapariga de cabelo cor de bronze a darem-me chapadas para eu me levantar, acho que foi o acordar mais brusco que eu alguma vez tinha tido.
-Acorda- disse o rapaz de cabelo bronzeado - Estás prestes a começar a tua recruta, por tanto começa a preparar-te, foste sedado para não saberes onde te encotravas, mas neste momento estás num iate, daqui para a frente não te vou dizer o que vai acontecer, mas prepara-te.
Eu ainda estava meio sonolento, as palavras ecooavam no fundo da minha cabeça, bem lá no fundo, a voz do rapaz era melodiosa neste perciso momento, eu ainda não sei bem o que se estava a passar até que o rapaz de cabelo bronzeado e a rapariga que o acompanhavam me trouxeram para o porão do barco, só conseguia ver mar, e de como estava tonto e meio zonzo, o meu estomago veio ao de cima fazendo com que eu quisesse vomitar.
A partir daí foi tudo muito confuso, quando me apercebi tinha uma espada junto à minha garganta e estava a ser ameaçado por um pirata, mas que raio estava a passar-se aqui, eu ainda estou meio zonzo, não tenho noção de nada.
''Perciso de recuperar os sentidos'' pensei eu, mas o barco está a balançar demasiado e existe demasiado movimento, via sangue a escorrer por todo o lado, não estava a perceber nada do que se estava a passar.
Um rapaz de cabelo escuro entrou no iate e mandou alguém levar-me para o seu navio.
-O que é que me vão fazer ?! - perguntei eu em panico enquanto estava a ser arrastado contra a minha vontade para o navio - E para onde me levam ?!
Foi então que como um interruptor de adrenalina tivesse sido pressionado e os meus sentidos ficaram apurados como se uma chita tivesse visto a sua presa.
Foi então que quando fui arrastado até ao camarim principal do Navio me apercebi que mais duas pessoas estavam ali.
-Onde estou !? - perguntei eu a entrar em panico - Num minuto estava em Inglaterra são e salvo em terra e agora estou no mar e não sei onde.
-Estás num navio pirata... -respondeu o rapaz de cabelo negro que tinha morto o rapaz de cabelo cor de bronze no iate, e este mesmo fechou a porta por de trás de si.

Keith Kopp
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 5
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Sasha Acherman em Sex 02 Jan 2015, 19:47

Sasha estava outra vez fechada com as raparigas.
- Estúpido! odeio-o! porque raio tenho sempre fetishes pelos que odeio mais? - pensava a rapariga enquanto sentada num canto com os joelhos ao peito.
- Desculpem, a sério... Desculpem - disse assim que as outras raparigas haviam acordado - Só queria tirar-nos daqui...
As raparigas não pareciam muito chateadas mas Sasha não conseguia evitar sentir-se culpada.
Pensava em vingar-se, pensava em encontrar o rapaz mas tinha demasiadas coisas na cabeça para conseguir conjecturar um plano.
Restava-lhes esperar. Esperar que novas ordens fossem ditadas.
Soltou as companheiras que ainda estavam atadas.
- Temos de pensar... - disse-lhes.

Sasha Acherman
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 16
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Samantha Briston em Sex 02 Jan 2015, 23:33

-Ok, honestamente, acho que a nossa prioridade neste momento não deveria ser arranjar uma forma de sair daqui mas sim arranjar uma forma de ser alimentadas. Já devemos estar aqui à pelo menos três dias e ainda não comemos nada, além do mais sem forças não conseguimos fugir. Outra coisa, acho que já todas percebemos que estamos a ser observadas portanto é melhor não tentarmos nada estúpido. Era bom saber se eles também nos conseguem ouvir... Continuando, o quê que vocês acham que deveriamos fazer?

Samantha Briston
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 61
Reputação : 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Vince Morte em Sab 03 Jan 2015, 00:07

Vince entrou no seu camarote e fechou a porta atrás de si. Sentou-se relaxado numa cadeira e olhou pensativamente para os recrutas.
-Keith, bem vindo a bordo. - começou ele. - Calculo que os teus colegas já te tenham dito quem eu sou e o que faço. Agora, vou vos dizer PORQUE faço. - disse o capitão, dramaticamente.
"Quando vos falam em piratas, vocês pensam em pessoas más e cruéis. Foi por isso que o Robert tentou fugir e a Kika se atirou ao mar. Ainda é assim que pensam de nós, ao fim de este tempo? Tudo o que exigo é respeito, e em troca, faço de vocês homens ricos. Digamos que podem olhar para mim como um pai. Quando os filhos fazem asneiras, o pai pune-os, para eles aprenderem. A isto chama-se bondade. Não punir seria condenar os filhos á incompreensão, ao erro. Nós não somos maus, nem cruéis. Todas as pessoas que roubámos são podre de ricas, nós apenas lhe aliviamos o peso, e a dúvida do que fazer com o dinheiro. Digamos que tiramos o ouro das mãos de quem não lhe sabe dar valor, e doamos a quem realmente o aprecia. Keith, tu estiveste na luta, viste como aquelas pessoas são. Eles não davam valor á tua vida. Atacaram o Parker quando tu próprio estavas em risco, sem se preocuparem com as consequências. Se eles tivessem colaborado, ninguém sofreria. E por causa deles, metade da minha fiel tripulação morreu. Mas eles sabiam os riscos que corriam. Todos sabemos. Mas eu salvei a vossa vida, não vos esqueçais. Em troca, apenas quero a vossa lealdade.
Esta noite chegaremos ao Japão. De manhã bem cedo, estaremos frente a frente com a Red Lótus, esse bando de fanáticos. Eles torturaram o meu irmão. Mataram-no! - a voz de Vince quebrou-se - Apanharam-no numa esquina depois de ele sair de um bar. Dez contra um! Isso é justiça? Amanhã acabaremos coma raça deles. Um por um! Quando tiver-mos acabado, iremos para o nosso porto de abrigo,e distribuiremos os lucros, em partes iguais. Depois disso, podem ir á vossa vida. Ou continuarem na minha tripulação. A decisão é vossa. Até lá, posso contar com a vossa lealdade?" - Vince terminou, brindando-os com o seu sorriso mais franco e olhando cada um dos recrutas nos olhos.

Vince Morte
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 39
Reputação : 3
Localização : Algures numa cama perto de si

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Blaine Anderson em Sab 03 Jan 2015, 00:43

Estava sentado na sala de controlo, Diana ao meu lado, e agora com Collins ao lado dele mas por de trás do seu cadeirão.
-Agora que quer fazer com elas mestre ? - perguntou Collins.
Diana com um olhar de reprovação ao seu subdito disse-lhe: - Que eu me lembre o mestre não te deu autorização para lhe dirigires a palavra.
Diana era uma das minhas expriencias mais bem sucedidas, a sua ''lavagem cerebral'' tinha sido complicada sendo que ela dera luta a tudo o que era esquema, se bem que ao final de um mês ela foi escolhida como a melhor lutadora de toda a seita, como é obvio a seguir a mim, então ensinei-lhe tudo o que havia para ensinar sobre manipulação fisica e mental.
-Não te preocupes minha querida - disse eu suavemente - tenho mais uma missão para o Collins.
Ordenei que Collins fosse buscar comida para cada uma das recrutas, mas antes de ele sair da sala de vigilância eu entreguei 3 seringas, cada uma com o seu nome, Sasha, Samantha e Gabrielle. Cada seringa continha um paralisante, o objetivo é inserir o paralisante na comida e deixar as raparigas prontas para mim.
Collins inseriu o paralisante na bebida e levou os 3 tabuleiros às respetivas recrutas.
-Água - disse uma delas - Já estava à espera disto à algum tempo.
As raparigas sentaram-se nas cadeiras e comeram tudo, e deixaram a água para o fim, o que depois de a beberem as deixou estáticas do pescoço para baixo.
Foi então que eu decidi entrar em acção.
Percorri os corredores do labirito escuro e entrei dentro da sala do centro da nossa sede, apenas nós, os que pertenciamos à seita tinhamos total conhecimento de todos os caminhos deste labirito.
- Red Lotus: sanguinem, deuocionem, et ad mare, et ad malum finem., para vocês minhas jovens escolhidas, irá ser para sempre o vosso dizer antes de qualquer acção pecadora, ou purificadora, para todo o sempre irão ser conhecidas como as 3 puras da Red Lotus. - disse e em unissuno todas ficaram especadas a olhar para mim - Aqui todos nós temos missões, a vossa irá ser fazerem parte da nossa seita que luta contra todo o mal e pecado que existe em todo o mundo, neste perciso momento, vocês passaram o vosso primeiro teste. Um teste de força mental e fisica, e tenho desde de já dar-vos os parabéns, fizeram exatamente o que eu queria.
-Aqui ninguém mata ninguém sem nenhuma razão, todos os membros da seita são irmãos e irmãs e nada nem ninguém nos irá magoar, posso prometer-vos riquezas infindáveis, e mundos que nunca vocês imaginaram. - continuei eu - Agora estão perante mim, o vosso lider, e o lider de toda esta seita, para vos congratular com a minha bondade, e para isso, irão ter de me ajudar a derrotar toda a pirataria que existe, o nosso alvo está prestes a chegar ao Japão, perto do sitío onde qual nós estamos sediados e nós iremos ataca-los e extreminá-los, eles raptaram-vos e deixaram-vos em lugares espalhados do Japão e nós salvamos-vos.
As raparigas continuavam estáticas a olhar para mim, não sabiam o que dizer nem o que fazer.
-Red Lotus irá afundar a barcaça cujo o nome é O Espirito do Mar, liderada por Vince Morte - disse em alto e bom som - Estão comigo minhas irmãs !?

Blaine Anderson
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 80
Reputação : 4

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Samantha Briston em Sab 03 Jan 2015, 12:14

Não me lembrava de nada do meu passado portanto, quanto eu sabia, tudo o que o homem estava a dizer podia ser mentira. Eu não estava propriamente cheia de vontade de atacar pessoas que talvez não me tivessem feito nada. De qualquer maneira, no fundo eu sabia que se não fizesse o que o estranho homem me dizia provavelmente morreria e ainda não estava preparada para tal. Aliás, se ele agora iria passar a ser o meu mestre eu tinha de acreditar nele certo? Para terminar lembrei-me que, por mais aterrador que tudo isto parecesse, eu estava na recruta. Não estava a ser usada para uma missão malefica qualquer, apenas estava a ser testada, a ser preparada para ser uma agente da CHERUB. Posto tudo isto respondi "Sim!" ao senhor meu mestre.

Samantha Briston
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 61
Reputação : 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Recruta n°27

Mensagem  kika Reis em Sab 03 Jan 2015, 13:27

Perante as palavras de Vince pensei: sim acho que não tenho outra alternativa ele ajudou-nos e não nos fez nada se ele fosse mesmo mau e cruel como pensei inicialmente já tinha feito algo de grave.  Não tinha a certeza de nada mas se ele ia vingar o seu irmau eu também queria ir e correr alguns riscos depois logo se via o que fazer a seguir mas por agora ia aceitar a proposta.
Entretento lembrei-me que ainda não respondera e acrescentei:
-- Por mim tudo na maior! Conta comigo.

kika Reis
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 12
Reputação : 0
Idade : 15
Localização : Coimbra

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Keith Kopp em Sab 03 Jan 2015, 14:39

Vince tinha-nos dando uma palestra como ele nos tinha salvo, como ele era o bom da pátria, onde tudo o que ele fazia era bom e maravilhoso, ele tinha-me salvo, era algo fenomenal, e como era óbvio ele é o comandante desta barcaça O Espirito Do Mar, como é óbvio se ele me salvou eu vou-lhe dar a minha confiança, e irei ajudá-lo.
-Podes contar comigo - disse - Mas com uma condição.
-Um pequeno marujo a impor condições - disse seguido de um riso sarcástico.
-Sim, tens de me treinar a lutar com sabres, mas de preferência adagas, sou um atirador de percisão, de onde eu venho sempre tive um treino maravilhoso em tiro ao alvo, tanto com armas, e com adagas também. Treinas-me ?!

Keith Kopp
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 5
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Sasha Acherman em Sab 03 Jan 2015, 15:56

Atacar um barco? Sasha finalmente achava que a sua estadia naquela cave fazia sentido.
Não ia mentir e negar que gostava de um pouco de acção, e atacar um barco era o tipo de acção que ela gostava.
- Sim ! - disse firmemente - Estamos todos juntos nisto!
Parte dela achava que nunca iriam colocar a sua vida em risco, mas por outro lado era esse o sentimento que a mantinha activa e com vontade de atacar.
"Red Lotus: sanguinem, deuocionem, et ad mare, et ad malum finem" pensou, finalmente fazia sentido, mar, mal, barco, fazia sentido.
Não conseguia conter a ânsia nem a vontade de participar em tal missão.
- Então e vamos lutar como? - perguntou.

Sasha Acherman
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 16
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Robert James Choke em Sab 03 Jan 2015, 21:31

Depois do saque ao barco, Vince chamou-nos ao seu camarote e fez um discurso em como estava a fazer o certo por nos e falou-nos da nossa missao: atacar a Red Lotus. Eu ainda estava chateada com ele por causa de ter tido de limpar a figura de proa mas decidi continuar. Afinal um pouco de açao ao fim de tanto tempo nao faria mal!
- Conta comigo!
Sai do camarote e fui preparar-me para a vingança

Robert James Choke
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 18
Reputação : 0
Idade : 15
Localização : Confidencial

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Blaine Anderson em Seg 05 Jan 2015, 21:57

(Devido à falta de comparência de uma das recrutas, Gabrielle, esta mesma está chumbada, e não pode postar mais nesta recruta, tenta para a próxima)

Após vários dias de treino e de escuta dos ouvidos alheios das ruas e espiar os barcos que atracavam no porto perto da nossa sede, decidi que estava na altura de atacar, sabia que a barcaça de Vince estava longe e que nós tinhamos os meios para os atacar a meio da noite em pleno mar, sem que estou a atacar em desvantagem por estarmos em meio aquático, mas porque não atacar em plena noite onde nós somos os mestres das sombras onde nós conseguimos atacar.
-Recrutas está na hora de se preparem para atacarem a barcaça- disse - perparem-se com todo o armamento, e com tudo o que vos ensinamos, o ataque é realizado hoje à noite.

Blaine Anderson
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 80
Reputação : 4

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Samantha Briston em Ter 06 Jan 2015, 21:12

Fiquei um pouco nervosa, sabia que este dia ia ter de chegar mas não estava a espera que fosse tão cedo. Sabia que não valia a pena mostrar-me amedrontada portanto comecei a reunir algumas armas (duas facas pequena escondidas nas botas, uma espada e um revolver caso as coisas dessem para o torto). De qualquer forma continuava sem me sentir preparada então fui para a sala de treino treinar alguns dos ultimos golpes que me tinham ensinado. Gostava que o senhor mestre me ensinasse mas isso era pouco provavel então contentei-me em repetir e repetir e esperar que tivesse força suficiente para os realizar corretamente e que no momento do ataque não teria medo de fazer o que fosse preciso para a nossa seita prevalecer. Pensando bem, se morresse não havia mal, não me conseguia lembrar de nada por que valesse viver, sem ser a seita. Seria por ela que me esforçaria ao máximo.

Samantha Briston
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 61
Reputação : 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  George Collins em Qua 07 Jan 2015, 14:17

Pedi licença para me ausentar aos meus mestres, precisava de me preparar para o ataque. Sabia que íamos atacar durante a noite por isso o meu casaco teria de ser dispensado, pois o vermelho era um alvo fácil. Vesti um casaco do mesmo género mas negro, coloquei algumas grandas de concussão no interior do mesmo, uma berreta com silenciador do lado direito da minha cintura e duas facas de combate nas costas do meu cinto e mais algumas de arremesso no meu colete de combate. Sabia que aquilo era uma recruta mas toda a credibilidade era necessária, toda a gente precisava de saber que aquilo não era uma fachada logo precisava de ser o mais realista possível. Levei também os meus óculos de visão nocturna e depois de estar preparado voltei para o lado dos meus mestres e esperei a ordem de ataque.

George Collins
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 47
Reputação : 1
Idade : 21
Localização : Somewhere bettwen worlds

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Sasha Acherman em Sex 09 Jan 2015, 17:42

Tinha de me preparar para o ataque, não podia arriscar a falhar ou ainda me castigavam de forma severa. Se bem que se fosse o outro rapaz a castigar-me eu até era capaz de falhar de propósito. Bem, tinha de me concentrar.
Tinha tanto domínio sobre armas como em combate corpo a corpo, pelo que fui instintivamente à procura de uma arma que pudesse transportar facilmente possibilitando-me assim combater em duas vertentes.
Não ia morrer pela seita, era demasiado inteligente para me deixar levar por quaisquer tipo de ensinamentos. Tinha uma estrutura cerebral demasiado desenvolvida para deixar que me influenciassem, contudo, não dispensava uma boa luta e era por isso que estava ali.
- Estou pronta para a acção! - disse animadamente aos mestres lá do sítio. - Vamos dar cabo deles!

Sasha Acherman
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 16
Reputação : 0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Vince Morte em Sab 10 Jan 2015, 20:11

Depois de saber que os novos recrutas lhe eram leais, Vince mandou-os ir escolher armas ao porão e irem depois para as redes descansar, para se prepararem para o dia seguinte. A noite já ia a meio quando o ataque começou.
O capitão acordou sobressaltado com gritos vindos do convés. Com a sua destreza habitual saltou da rede e tirou ambas as suas armas do cinto. Mas não teve tempo de abandonar o seu camarote, já que o lider da Red Lótus, em pessoa, irrompeu pela porta, encostando-o á parede e iniciando uma luta feroz.
Da proa á popa da fragata ouviam-se tiros e tinidos de espadas. O confronto final estava em pleno andamento!

Vince Morte
T-Shirt Branca
T-Shirt Branca

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 39
Reputação : 3
Localização : Algures numa cama perto de si

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Samantha Briston em Sab 10 Jan 2015, 23:40

A hora do ataque chegou. Apanhamo-los mesmo desprevenidos, e a segurança não estava no seu máximo. Tinham cerca de 5 marujos armados a patrulhar o convés mas nada de mais. Rápidamente os conseguimos desarmar, e o mestre disse-nos (a mim, a Sasha e a mais alguns da seita que não conhecia) para continuar a avançar e para atacar todos os que nos aparecessem à frente. Ele ficaria para trás para mandar para o céu os cinco marujos, e depois seguiria para o camarote do capitão. Estava a começar a estranhar a quantidade mínima de pessoas inimigas, quando aproximadamente 40 pessoas subiram da parte de baixo do navio. Se alguém me perguntasse não saberia responder a quanto tempo demorou o combate seguinte. Não queria matar estas pessoas, mas também não queria acabar lesionada e queria muito testar os golpes que me tinham ensinado. Rodopiei pelo convés a atacar tudo o que se aproximasse pelo menos 1,5 metros de mim e pelos vistos tinham-me treinado mesmo bem, os meus únicos ferimentos eram uns cortes nos braços que tinha usado para me defender e umas quantas nodoas negras espalhados pelo corpo. Quando finalmente pude parar por uns minutos vi que estavam a aparecer mais inimigos, mas não me aparecia ver corpos de membros da seita pelo chão, pelo que considerei que nos estava a correr tudo bastante bem.

Samantha Briston
T-Shirt Cinzenta
T-Shirt Cinzenta

Pontos Agente CHERUB : 1
Mensagens : 61
Reputação : 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recruta nº 27

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 06:02


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum